Para refrescar memória: Mais provas

Capítulo 1Da série: como tudo começou em 2004 …
E depois continuou

Prova Nº 2

Eis continuação em 2008

Modo de agir de antigo procurador federal
Proc. 23000.084634/2008. Eis linguajar impróprio e pessoalidade confirmada (CF. Art. 37)

Eis quanto restou provado: modo de agir contrario ao ensinamento do jurista Hely Lopes Meirelles – …“o administrador público justifica a sua ação administrativa indicando os fatos que ensejaram o ato e, os preceitos jurídicos que autorizam a sua prática”: pois o ilstre procurdor federal acima, ao fim recusa certidão a propósito de atos administrativo motivado. ou seja certidão requerida na forma da Lei.

Pois eis o ato motivado requerido:

OBS -1: A íntegra do requerimento foi publicada nesse Blog em 10/12/2008 em http://exemplodeinconfidentes.blogspot.com/2008/12/editais-eafi-ter-de-explicar.html

OBS – 1: O restante em matéria agregada como comentários (inclusive o anônimo) encontram-se postados nesse Blog mais abaixo em http://exemplodeinconfidentes.blogspot.com/2009/01/uma-aula-de-cinismo-oficial-aplicado.html

Prova Nº 3

Eis movo ato: continuação em 2008

Modo de agir de antigo procurador federal
Proc. 23000.084634/2008. Eis linguajar impróprio e pessoalidade confirmada (CF. Art. 37)

(Para ler: clicar duas vezes dobre a figura)

Pos eis, agora dolosamente repetida pela comissão, a recente publicação no quadro acima e na internet de lista infamante a propósito de candidatos “desclassificados” a ferir o Art. 139 do Código Penal. Certamente o Sr. Procurador Federal terá trabalho extra dentro das suas atribuições (LC 73/93, Art 11, apud Art. 18) para deixar de acobertar essa prática criminosa, ao presumir que a comissão estivesse a agir segundo princípios da impessoalidade, moralidade, legalidade e publicidade – sem contar a eficiência dissipada. Certamente haverá de oferecer aos difamados cópia autenticada do referido edital para subsidiar a respectiva queixa crime.

A proósito, ver matéria publicada por esse Blog em 21 de Abril de 2009 http://exemplodeinconfidentes.blogspot.com/2009/04/qual-futuro-ou-esperanca-pode-haver.html


PROVA Nº 4


Advertisements
This entry was posted in Pessoalidade. Prova Nº 2: aula de cinismo. Prova Nº 3: lição de irresponsabilidade. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s